Faz uma semana que você começou a fazer academia. Mas quando você resolve subir na balança: seu peso continua o mesmo, ou até aumentou! Essa situação lhe parece familiar? Calma, você não está sozinha. Isso é muito mais comum do que você imagina e, em boa parte dos casos, significa algo positivo.

Os diferentes significados que a massa corporal (peso na balança) podem ter;

  • A diferença entre massa gorda e massa magra e por que algumas pessoas dizem que “músculo pesa mais que gordura” (será que é verdade?);
  • Como colocar a balança de lado e avaliar seu progresso de maneira eficiente, sem frustrações.

O que é exame de bioimpedância?

O exame de bioimpedância é um procedimento que mede a composição corporal através da aplicação de uma suave e indolor corrente elétrica no copo. A corrente circula livremente pelo líquido do tecido muscular, mas encontra resistência do tecido adiposo, que é a gordura. A partir disso, é possível calcular o índice de gordura, massa magra e vários outros componentes corporais. O procedimento pode ser realizado através de eletrodos ou de uma balança específica para esse exame.

O que ele mede?
Os elementos que um exame de bioimpedância é capaz de medir costumam variar um pouco de acordo com o lugar que oferece o procedimento. Mas, os principais são:

– Peso corporal;

– IMC;

– Gordura corporal total;

– Quantidade de massa magra;

– Quantidade de água no corpo;

– Taxa de metabolismo basal;

– Relação cintura-quadril;

– Impedância de cada segmento corporal.

Por que eu devo fazer esse exame?
Como você já deve saber, cerca de 60% do corpo humano é composto por água e ela é um condutor elétrico. Sendo assim, a precisão oferecida pelo exame de bioimpedância se aproveita da própria composição corporal.

Além da precisão, os elementos que o exame identifica podem auxiliar a direcionar melhor nas dietas, exercícios e até sinalizar questões de saúde. A medição da quantidade de água, por exemplo, pode revelar a necessidade de maior hidratação, e isso interfere em várias questões de saúde e de estética.

São detalhes importantes que fazem muita diferença, mas nem sempre estão evidentes sem uma investigação adequada. Portanto, se você quer ter uma visão realista de como está a sua saúde através da sua composição corporal e direcionar melhor suas ações em relação a ela e ao seu objetivo estético, deve fazer o exame de bioimpedância.

COMO SABER SE O QUE VOCÊ GANHOU FOI MÚSCULO OU GORDURA?

Além do exame de bioimpedância, podemos verificar a sua evolução na academia através de uma fita métrica e o adipômetro.

Gostou deste post?? Compartilhe com os seus amigos.

Fonte: https://pratiquefitness.com.br/blog/o-que-e-exame-de-bioimpedancia-e-por-que-voce-deve-fazer/

Anúncios