A quem diga que a gordura é convertida em energia ou calor, enquanto outros pensam que a gordura é excretada ou mesmo convertida em músculo. O que você acha? Vamos tirar esta dúvida?

De acordo com Andrew Brown, da Universidade de New South Wales, quando você perde peso sua gordura é exalada. Isso mesmo, você exala gordura.

“A maioria da massa é exalada como o dióxido de carbono”, diz Brown. Seus novos estudos, com base no conhecimento existente sobre bioquímica, foram publicados no British Medical Journal.

O excesso de carboidratos e proteínas é convertido em compostos químicos chamados triglicerídeos (que consistem em carbono, hidrogénio e oxigénio) e, em seguida, armazenados nas gotículas lipídicas de células de gordura. Para perder peso você está tentando metabolizar esses triglicerídeos, e isso significa desbloquear o carbono armazenado em suas células de gordura.

Portanto, perder 10 kg de gordura humana requer a inalação de 29 kg de oxigênio, produzindo 28 kg de dióxido de carbono e 11 kg de água. Esse é o destino metabólico de gordura.

Os 10 kg de gordura saem do corpo como dióxido de carbono e água. Ao traçar o percurso destes átomos para fora do corpo, Brown descobriu que 8,4 kg são de dióxido de carbono exalado. Isso faz do pulmão o principal órgão excretor para perda de peso. O 1,6 kg se transforma em água, que é excretada na urina, fezes, suor, respiração, lágrimas e outros fluidos corporais.

“Então, para emagrecer, eu só preciso exalar mais ar?” NÃO. A respiração errada pode causar hiperventilação, seguido de tontura, palpitações e perda de consciência. O ideal para perder peso continua sendo exercício físico e boa alimentação.

Fonte: Via IFL Science

Anúncios