xarope

A indústria farmacêutica oferece os mais variados xaropes, mas sábias mesmo eram nossas vovós, que em casa mesmo, com ingredientes da sua horta e do seu pomar, eram capazes de aliviar a tosse ou outro mal estar. Aqui você aprende a fazer o seu próprio xarope caseiro.

Antes, ler informações básicas:

Posologia

Com relação à quantidade que deve ser consumida, a receita traz a indicação para uma pessoa adulta. Crianças e idosos devem consumir a metade da quantidade.

Contraindicações

Diabéticos e obesos devem evitar o consumo. Para estas pessoas, o ideal é buscar uma solução nos chás que não necessitem adoçar.

xarope1

Conservação

Após o preparo, deixe o xarope em temperatura ambiente até esfriar, cobrindo com um pano de prato. Em seguida, guarde em um pote de vidro, com tampa.

Armazene na geladeira ou em um local arejado, longe do sol e de umidade. Se bem acondicionado, um xarope caseiro pode durar de 2 a 6 meses.

Procure um especialista

Apesar do xarope caseiro trazer benefícios para o organismo, lembre- se sempre de consultar um especialista na área de saúde para fazer uma avaliação e saber qual a melhor opção de tratamento para você. Em nenhuma hipótese substitua o tratamento receitado por esse profissional pela receita caseira.

Receita xarope: Cólicas menstruais

Ferva 1 colher (sopa) de ramos frescos de alecrim, 1 colher (sopa) de folhas secas de camomila e 1 xícara (chá) de água por 10 minutos. Espere amornar, coe e acrescente 1/2 xícara (chá) de mel.

Esquente até ficar homogêneo. Tome 2 colheres (sopa) por dia.

Contraindicações: a camomila não é recomendada para pessoas com rinite alérgica. Diabéticos, hipertensos e gestantes devem evitar consumir alecrim.

Gostou? É só me seguir para receber dicas de nutrição e saúde.

Fonte: http://pat.feldman.com.br/2008/12/13/xarope-caseiro-contra-tosse/ Revista Saúde de Bolso Especial- Ano 3, nº 7- 2009

Anúncios