bicicleta(1)

É comum pensar que pessoas com diabetes não devem praticar exercício físico por causa do risco disso provocar hipoglicemia. Porém, praticado com orientação profissional, o exercício físico pode ser bastante benéfico para quem tem diabetes.

A atividade física faz parte do tratamento não farmacológico, aquele que vai além dos remédios. “O exercício auxilia no ajuste do controle glicêmico e reduz a dose necessária de insulina e medicamentos orais, além de diminuir o percentual de gordura e aumentar a massa magra”, conta a educadora física Luciana Mendonça Arantes, do Centro Avançado de Recuperação e Estética Rio Claro (CARE).

Auxílio profissional

Consultar um médico antes de iniciar uma atividade física é um cuidado obrigatório para qualquer pessoa. Para o paciente de diabetes, vale o mesmo. O endocrinologista Sérgio Vêncio conta que o aval médico é ainda mais importante para quem tem risco para doença cardiovascular ou mais de 40 anos.

A atividade física deve ser preferencialmente supervisionada por educador físico, o profissional apto a definir intensidade, duração e o tipo de exercício físico, tornando-o mais eficiente e seguro. Mas o especialista recomenda: “Nos casos em que não for viável o acompanhamento desse profissional, a atividade física não deve ser evitada, mas realizada de acordo com a recomendação médica”.

Tempo e frequência

Nada de passar horas na academia, segundo a educadora física Luciana Mendonça, 60 minutos de exercícios físico diários, com frequência de no mínimo três vezes por semana, são comprovadamente suficientes para melhorar os níveis de glicose no sangue do paciente. Mas se você gosta de malhar, não existem limitações. O portador de diabetes – devidamente controlado – pode praticar exercícios durante o mesmo tempo, frequência e intensidade que qualquer outra pessoa.

Faça um teste!

Quando faz exercício está a estimular o seu pâncreas a produzir insulina e, por outro lado, como está a exercitar os músculos, eles precisam de energia. Deste modo, também está a aumentar a utilização de glicose pelos músculos impedindo que esta se acumule no sangue e aumente a sua glicemia.

Para comprovar isto pode fazer um teste: faça a sua medição da glicemia antes e depois de fazer exercício e verifique a diferença!

Gostou? É só me seguir para receber diariamente dicas de nutrição e saúde.

 

Fonte: http://www.copacabanarunners.net/diabetes-exercicio.html

http://www.minhavida.com.br/fitness/galerias/15801-oito-cuidados-que-o-paciente-com-diabetes-deve-ter-ao-praticar-exercicios-fisicos

Anúncios