A Revista Lancet, uma das mais renomadas na área médica, divulgou na quarta-feira (16) um estudo com a Organização Mundial de Saúde dizendo que o número de pessoas com pressão alta dobrou no mundo: 1 bilhão de pessoas têm o problema. É considerado hipertenso quem tem pressão 14 por 9 ou acima disso.

Segundo o cardiologista Carlos Alberto Machado, membro da Sociedade Brasileira de Hipertensão, o aumento de hipertensos no mundo se deve ao número maior de obesos, ao consumo excessivo de sal, ao sedentarismo e ao crescimento da população idosa.
O envelhecimento eleva os riscos de hipertensão porque os vasos ficam mais rígidos, o que aumenta a pressão sanguínea.

Prevenção 

  • Fazer atividade física, pelo menos 30 minutos por dia;
  • Diminuir ou suspender o uso de sal;
  • Se possivel comer de 3 em 3 horas;
  • Ter uma alimentação balanceada: frutas, verduras, legumes cereais integrais;
  • Evitar o consumo de alimentos industrializados. Principalmente os embutidos, enlatados, alimentos em conserva, refrigerantes.
  • Mastigar bem os alimentos.

Se o médico diagnosticou que você tem pressão alta. É muito importante tomar todos os dias o medicamento. A maioria das pessoas hipertensas não sente nada. A hipertensão não dá sinais e nem sintomas de que já está se instalando no organismo. Por isso é conhecida como a Inimiga Silenciosa.

Gostou? É só me seguir para receber dicas de nutrição e saúde.

Fonte: http://g1.globo.com/bemestar/noticia/2016/11/obesidade-sedentarismo-e-sal-elevam-os-indices-de-hipertensao-no-mundo.html

Anúncios