Morando sozinho(a): Saindo do mundo encantado da casa da mãe. Cozinha só para você não é uma tarefa muito fácil, por isso muitas pessoas investem em fast- food, macarrão instantâneo ou comida congelada.

Fast-food ou congelado? Comer na casa do amigo ou pedir comida pelo aplicativo? Essas são as típicas dúvidas dos solteirões que moram sozinhos e, por preguiça, falta de tempo ou de intimidade com o fogão, acabam optando por refeições mais práticas e que não levam muito tempo no preparo, mas que, na maioria das vezes, detonam com a saúde e a dieta de qualquer um.

O fato é que: quem mora sozinho se alimenta mal. A conclusão foi da Queensland University of Technology, em 2015, que demonstrou que quem se alimenta sozinho é mais propenso a cair na rede dos fast-foods e comer qualquer coisa que estiver disponível no armário (macarrão instantâneo, salsicha, sorvete e etc). Isso porque os solteiros não têm responsabilidade sobre a alimentação de outras pessoas, não desfrutam da experiência de ter um fogão em casa ou simplesmente têm ninguém que dê um feedback sobre a comida.

Mas fique calmo. Adaptar uma alimentação balanceada a correria do dia a dia pode ser muito mais fácil do que colocar uma lasanha congelada no microondas. No entanto, é preciso ter disciplina, vontade e planejamento. Yareri Sandoval, nutricionista, especialista em diabetes e coordenadora de nutrição, e Elizabeth Foz, também nutricionista e coordenadora web da Federação Mexicana de Diabetes, propõem alguns alimentos básicos que qualquer pessoa que vive sozinha e queira cuidar de sua saúde deve ter na dispensa. Confira.

#1 – Verduras frescas. Ricas em vitaminas, elas não podem faltar nas suas refeições. Promove diferentes benefícios para o corpo, como diminuição das chances de hipertensão e anemia. Você pode refogá-las ou comer cruas mesmo, como salada. Em casos de emergência tenha sempre uma bolsa de legumes congelado à mão.

#2 – Queijo. Importante fonte de carboidrato, proteína, cálcio e vitaminas (B12, A e K2) para o corpo. A dica é ingeri-los do café da manhã ou acompanhado de uma salada, para se tornar uma refeição mais nutritiva e completa.

#3 – Atum. Fontes de proteína em uma dieta equilibrada, o atum têm menos gordura que outros alimentos de origem animal, como carne vermelha. É ideal para comer misturado com macarrão integral ou na salada de maionese.

#4 – Cereais integrais. Composto por diferentes graus e cereais, os alimentos integrais oferecem importantes propriedades nutricionais para o organismo. Quem sofre de intestino preso, por exemplo, é uma boa pedida. Opte por produtos a base de cereais integrais, como as massas de grãos, bolachas e arroz.

#5 – Pão integral. Super fáceis de achar nos supermercados, eles possuem baixa caloria e são uma importante fonte de fibras que ajudam na digestão.

#6 – Frutas e polpas. Pequenas ou grandes, as frutas conseguem oferecer uma série de vitaminas e melhoraram o funcionamento do organismo. Aposte em frutas que têm maior resistência ao tempo, como maças, peras, abacate e uvas. Você ainda pode carregá-las sempre dentro de bolsas ou sacolas.

#7 – Gordura do bem. Nozes, amêndoas, amendoim e azeites: todos são cardioprotetores, não prejudicam as artérias e ainda ajudam a tirar de circulação o colesterol ruim.

#8 – Laticínios. Seus nutrientes contribuem para a formação de massa óssea no organismo e evitam a osteoporose. Além do cálcio, iogurte e requeijão, por exemplo, fonte de vitaminas A, D e E, cálcio, além de proteínas.

Outra recomendação importante, segundo as nutricionistas, é escrever seu cardápio diariamente, a fim de planejar melhor suas compras semanais. Desta maneira, é mais fácil controlar a quantidade de alimentos consumidos durante a semana e realizar compras de maneira mais responsável, evitando o desperdício de alimentos e o gasto desnecessário de dinheiro.

Estas são algumas das pequenas mudanças que podemos realizar para incorporar hábitos saudáveis a nossa rotina.

Gostou? É só me seguir para receber diariamente dicas de nutrição e saúde.

Fonte: http://www.areah.com.br/cool/fast-food/materia/171133/1/pagina_1/8-alimentos-essenciais-para-quem-mora-sozinho.aspx

Anúncios