Se para você perder peso, tem se tornado uma experiência extremamente frustrante. A parte mais agravante é o efeito sanfona. Você consegue perder peso mais alguns dias depois recupera tudo novamente. Aqui você vai aprender a acelerar o seu metabolismo.

A medicina ortomolecular prova que nem é tão difícil perder peso. Veja o que fazer hora a hora pra manter o seu metabolismo queimando, queimando, queimando.

6h ou em jejum

Levantou? “É hora de acordar o metabolismo com 1 copo de água gelada com algumas gotinhas de limão“, ensina Gilberto Kocerginsky, médico ortomolecular (SP). A seguir, pra não perder o embalo, faça uma refeição pré-treino: bata no liquidificador dois ovos com uma banana, acrescente um pouco de canela em pó e leve à frigideira com um fio de óleo de coco. É o equilíbrio perfeito de proteínas e carboidratos para o treino.

7h – #partiumalhação.

Segundo Gilberto, de manhã é o horário que seu corpo melhor responde ao exercício, pois o nível de cortisol está alto, pra dar energia, e a testosterona está tinindo, ajudando no desempenho. Tão ou mais importantes quanto os exercícios aeróbicos – como a corrida – são os de resistência, que te fazem ganhar músculo e ativar o metabolismo. Hidrate-se o tempo todo, não precisa esperar a sede chegar.

8h – Hora do banho.

Aproveite o calor tropical e tome uma chuveirada com água fria. “Além de evitar a liberação de histamina (substância que dá sono), ela ajuda a diminuir o inchaço pós-malhação e exige do corpo mais energia para a manutenção da temperatura”, justifica o médico. Faça um lanchinho pós-treino com um shake proteico de sua escolha (whey ou proteína vegetal de arroz ou ervilha batido com uma fruta).

trabalho-bicicleta

9h – Se der pra ir até o trabalho a pé ou de bike, ótimo.

Também dispense o elevador! A garrafinha de água está aí do seu lado, né?

10h – Hora do lanche da manhã.

Uma maçã com um punhado de Mix de frutas secas e oleaginosas (castanha do pará, castanha de caju, amendoim, amêndoa e uva passa) te dá gorduras e carboidratos de qualidade.

11h – Lembre-se que ficar muito tempo sentada é ruim pra o corpo.

Pra cada hora de trabalho, alongue, ande, enfim, fique ativa por 5 a 15 minutos.

12h ou 13h – Hora do almoço!

No restaurante ou na marmita, coma uma proteína magra, legumes e salada. Uma excelente opção é salmão assado com ervas, legumes ao vapor e uma saladinha de quinoa com damasco. O cardápio tem baixa carga glicêmica e é rico em nutrientes.

14h – Sobrou um tempinho?

Aproveite para tirar um cochilo (power nap). A power nap não deve passar de 30 minutos, é útil para dar um reboot no cérebro e no metabolismo, renovando as energias para o resto do dia. “Além disso, ajuda no processo da digestão do almoço”, avisa Gilberto.

cha-verde-e-seus-beneficios

15h – Tome um chá com poderes termogênicos.

Dê preferência a atividades externas na parte de tarde, que exijam mais movimento.

16h – Lanche da tarde, o corpo pede algo doce e algo salgado (o cortisol está ficando baixo).

Você pode repetir o lanche da manhã ou comer tiras de aipo com dip de cottage e passas.

17h – Diga “não” à happy hour.

Deixe pra momentos especiais porque se virar um hábito, é quase impossível resistir às tentações no bar.

19h – No jantar, escolha uma sopa.

A de lentilha tem proteínas e carboidratos suficientes para a reconstrução do sono. Continue bebendo água, mas diminua a quantidade pra não precisar ficar acordando durante a noite.

20h – Prepare tudo o que você vai comer no dia seguinte e aproveite pra anotar na agenda tudo o que consumiu hoje.

Já está mais do que comprovado que tomar consciência do que a gente come nos faz ingerir menos calorias.

21h – Prepare-se para relaxar.

O que te relaxa? Ler um bom livro? Assistir um episódio de um seriado calmo? Depois, desligue tudo (inclusive o celular) e vá pra cama.

22h – Dê uma última alongada, tome um chá de camomila e bons sonhos.

“O sono é fundamental para o processo metabólico, ajuda a emagrecer e libera o hormônio do crescimento”, reforça o médico.

Gostou? É só me seguir para receber diariamente dicas de nutrição e saúde.

 

Fonte: http://revistaglamour.globo.com/Beleza/Fitness-e-dieta/noticia/2016/01/como-queimar-calorias-o-dia-todo-ate-dormindo.html

Anúncios