10

O crudivorismo é um tipo de dieta vegetariana composta somente de alimentos crus, preferencialmente alimentos frescos, brotos, germinados, frutas, hortaliças e oleaginosas. Os adeptos a esta dieta, comem apenas vegetais não cozidos, evitam carne de qualquer espécie, alimentos processados e refinados, laticínios, grãos de cereais, sal e açúcar.

O crudivorismo também é conhecido por “alimentação viva” que é baseada no conceito de que as altas temperaturas destroem os nutrientes e os fitoquímicos, que são fundamentais para a saúde. Esse tipo de alimentação regula o corpo, restabelece as funções fisiológicas e equilibrar o terreno biológico, principalmente naquilo que diz respeito à saúde do sistema imunológico e nervoso.

Conheça agora os 10 benefícios do crudivorismo:

1 – Vitaminas e fito nutrientes – Previne doenças crônicas e melhora a função celular.

2 – Rica em clorofila – Substância presente em todas as plantas, de coloração verde, que, no homem, tem a capacidade de melhorar a circulação, fazer a oxigenação celular e é riquíssima em magnésio, que atua no processo de equilíbrio ácido básico do corpo.

3 – Enzimas – Ter uma alimentação rica em enzimas vegetais faz o corpo funcionar melhor e proporciona aumento de energia e melhora na digestão.

4 – Água – É capaz de hidratar muito mais o nosso sistema justamente por ser rica em vegetais. A água contida nos alimentos tem ligação químicas diferentes e, portanto, tem melhor absorção celular.

5 – Gorduras – A alimentação viva traz ao corpo os melhores óleos da natureza necessários para o funcionamento celular, melhorando funções neurológicas, prevenindo doenças inflamatórias. Não usamos gorduras saturadas, somente óleos de coco e de abacate, o próprio abacate, azeite de oliva, sementes de chia e linhaça, nozes e macadâmias. Todos esses óleos, com exceção do de coco, são sensíveis ao cozimento. Por esse motivo, sempre devem ser consumidos crus.

6 – Equilíbrio ácido básico – A alimentação viva é totalmente alcalina, gerando a condição ideal para o sangue e, portanto, para o funcionamento celular.

7 – Frutas – Ricas em vitaminas, fornecem o sabor doce a muitos pratos, além de saciarem o paladar.

8 – Super alimentos verdes – Todas as folhas, assim como clorofila e spirulina, são riquíssimas em minerais e proteínas.

9 – Grãos – Por diversas razões anti nutricionais, são consumidos com moderação, como a presença do glúten, por exemplo. Recomenda-se em baixas dosagens. Costumo indicar trigo sarraceno, trigo em grãos, grão de bico e lentilha. Sempre deixados de molho por 8 horas, escorridos e germinados ou desidratados até 60 graus.

10 – Anti envelhecimento – Isso ocorre pela restrição calórica que ocorre naturalmente com a alimentação viva.

Gostou? É só me seguir para receber dicas de nutrição e saúde.

Fonte: http://www.anda.jor.br/09/07/2013/conheca-os-10-beneficios-do-crudivorismo-a-alimentacao-viva-que-ate-ajuda-a-emagrecer

Anúncios