O perigo está nos primeiros dois anos do casamento.

Uma pesquisa decide esclarecer, de uma vez por todas, a polêmica que acompanha todo casal: casamento engorda? 

A pesquisa da universidade da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, divulgada este mês, ouviu sete mil homens e mulheres casadas. E concluiu: o perigo está nos primeiros dois anos do casamento. É principalmente nesse período que os casais têm o dobro de chance dos solteiros de se tornarem obesos. 

 

“A maioria das pessoas que eu conheço depois que casam engordam” , diz a auxiliar de escritório Valeska Dahan, que tem três anos de casada. 

“A tendência é engordar mesmo, porque o sedentarismo toma conta de quem é casado”, afirma o estilista Alan Neves.

 

“Se você for fazer uma estatística, as mulheres engordam mais do que os homens”, diz o psicanalista Paulo Lessa. 

“A mulher tem uma tendência a beliscar mais do que o homem. A pessoa se sente mais segura no afeto. Já tem alguém que goste dela e relaxa em termos físicos, em termos de aparência”, acrescenta o psicanalista. 

A pesquisa confirma a tese do psicanalista. Entre os dois principais motivos para os casais engordarem depois do casamento, ela destaca: por já terem um parceiro definido, as pessoas deixam de se cuidar. E ainda: as refeições se tornam um momento importante na vida do casal. 

“Ela faz comidas gostosas para me agradar. Eu faço para ela. E aí, a gente acaba engordando”, conta o inspetor de qualidade Marcelo Almeida. 

“Nesse feliz encontro, a gente está engordando junto”, complementa a empresária Ana Lúcia de Almeida. 

“Vamos fazer um pudim. Vamos fazer um pavê. Uma sobremesa melhor. Aquelas comidas mais incrementadas também que fazem engordar. Então, tu acaba esquecendo um pouco da dieta pra poder até agradar o marido”, explica a empresária Dalina Pereira. 

“Quando eu casei, eu pesava 78 quilos. Eu devo ter engordado mais ou menos uns 20 quilos. Sinceramente, eu não esperava estar com 100 quilos não”, diz a manicure Teresa Cristina Abreu, que tem 10 anos de casada. 

“Não vou dizer que foi algo traumático pra mim não. Você vai se acostumando”, diz Dalina. 

Com a Ana Lúcia, também foi assim. Casada com o Marcelo há pouco mais de um ano, foi engordando pouco a pouco e mudando de manequim. 

“Essa aqui é da época do casamento. E essa daqui é a prova do crime. Nenhuma roupa sobrou. Nada. Tive que comprar tudo novo”, diz Ana Lúcia, mostrando que o manequim mudou de 36 para 40. 

Depois de se conscientizar dos riscos de estar bem acima do peso, os casados começam a estabelecer metas. 

“A minha meta seria perder a barriga”.

Fonte: globo.com

Anúncios