sentir bem

Existem muitas coisas que escapam do nosso controle no dia-a-dia, como o trânsito, o sono e o mal-humor. Todos esses fatores influenciam muito na nossa concentração e disposição e, às vezes, fica difícil cumprir os horários quando não acordamos bem.

Por isso, é interessante mudar os hábitos para que futuramente possam virar uma rotina anual.

Faça uma exame na pele dos pés à cabeça

“Consulte o dermatologista para ver se existem sinais, lesões ou possíveis tumores no maior órgão do corpo humano, mesmo que não haja queixas”, alerta a dermatologista Cláudia Magalhães (SP). Além do checkup preventivo, visite um médico se notar manchas na pele e sinais que sangrem, tenham coloração escura ou aumentam de tamanho.

Vá ao dentista duas vezes (não é exagero)

Exames semestrais à procura de manchas ou nódulos na gengiva, bochechas, dentes e língua nos tornam menos suscetíveis a cáries e gengivites. “Nessa checagem identificamos problemas fáceis de serem tratados e também lesões e alterações de cor, textura e volume, que podem indicar doenças mais sérias, como o câncer”, diz o dentista Fábio Masson.

Realize um chechup ginecológico

A mamografia permite detectar um câncer em estágio inicial, quando 90% dos casos têm cura, segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia. A colposcopia rastreia o câncer de colo de útero que, diagnosticado no início, tem 80% de chances de cura. Já o papanicolau aponta infecções vaginais, “que podem afetar a qualidade de vida e a fertilidade da mulher”, explica Rosa Maria Neme.

Medir a pressão arterial

“Isso auxilia na detecção precoce de várias doenças, até da hipertensão, que é assintomática”, diz Sílvio Reggi, cardiologista da Unifesp. “Quando a pressão dá o laerta, é mais fácil prevenir males cardíacos e até renais”, avisa o médico.

Gostou? É só me seguir para receber dicas de nutrição e saúde.

Fonte: Revista Máxima, ano 2 nº13, edição 13, junho 2011.

Anúncios